terça-feira, junho 18, 2024

Tabela de score para financiamento: O que é e como funciona

A tabela de score para financiamento é uma excelente ferramenta para te ajudar a ter ideia de suas possibilidades de financiamento. Dessa maneira, é possível saber se você conseguirá o crédito que precisa sem a necessidade de fazer a solicitação. Portanto, conhecer essa tabela será de grande ajuda para seus planos e projetos, pois esclarecerá algumas dúvidas que podem surgir antes da solicitação de um financiamento. 

Além disso, a tabela de score para financiamento merece destaque por ajudar a definir o que é um bom score para determinado tipo de financiamento. Desse modo, você será capaz de entender melhor o quanto seu score precisa e o que vai precisar fazer para conseguir o financiamento que deseja. 

Sendo assim, você vai conhecer todas as características da tabela de score para financiamento e entender como é feito seu cálculo. Para mais, as vantagens e a importância de um bom score para sua vida financeira são muitas. Você receberá dicas de como aumentar e manter o seu, além de entender esse conceito mais profundamente. 

O que é tabela de score para financiamento?

tabela de score para financiamento
A tabela de score te auxilia a buscar aprovação de crédito (imagem: reprodução)

Primeiramente, a tabela de score para financiamento existe para te ajudar na busca pela aprovação de crédito. Dessa forma, conhecer a fundo suas características é crucial para ter sucesso em seu sonhado financiamento, que poderá mudar sua vida. Sendo assim, você precisa entender primeiro o que é e qual a importância do popular score e sua tabela para financiamentos. 

Desse modo, o score é uma ferramenta da Serasa, uma empresa de análise de crédito que vem crescendo de importância dentro do mercado financeiro brasileiro na última década. Dito isso, a Serasa oferece um ecossistema de serviços para facilitar o acesso a informações sobre a vida financeira dos brasileiros. Entre os serviços oferecidos pela empresa estão: negociação de dívidas, simulação de empréstimos e cartões, pagamentos através da carteira digital Serasa e, claro, pontuação de crédito. 

Contudo, vale ressaltar que a Serasa não é um órgão do Governo Federal, como muitas pessoas pensam. Apesar de oferecer um serviço muito importante amplamente utilizado pelas instituições financeiras do país, a Serasa é uma empresa privada e seus serviços estão disponíveis para companhias de diversos segmentos diferentes por todo o Brasil. 

Dessa maneira, o score da Serasa tem uma função principal: indicar quais são as chances de um consumidor pagar suas contas em dia dentro dos próximos 6 meses. Portanto, esse modelo estatístico tem uma pontuação que vai de 0 a 1000 e faz análise de riscos com base em vários fatores, recolhendo informações com consultas ao CPF do consumidor, dívidas, histórico de pagamento, etc. 

Como funciona tabela de score para financiamento

A tabela de score para financiamento é indispensável para instituições financeiras e empresas de crédito, tanto públicas quanto privadas. Desse modo, a tabela atua como base para a análise de crédito em diversos tipos de solicitação como, por exemplo, os financiamentos e empréstimos. Portanto, entender como a mesma funciona é muito importante para sua vida financeira, pois seu score irá te dizer quais são suas possibilidades de solicitação de crédito. 

Sendo assim, a tabela de score para financiamento vai de 0 a 1000 e, quanto mais alta for sua pontuação, maiores são as chances de ter sucesso na solicitação de crédito. Dessa maneira, se a sua pontuação estiver entre 1000 e 701 pontos, as chances de você conseguir seu financiamento são muito altas, pois o risco de inadimplência é baixo. Uma pontuação entre 700 e 501 é vista como boa pelas instituições financeiras. Dessa forma, mesmo que não seja alta de fato, você tem boas chances de conseguir crédito. 

Por sua vez, uma pontuação que vai de 500 a 301 é regular, ou seja, tem um chance de inadimplência um pouco maior. Portanto, quando o seu score é regular, suas chances de conseguir crédito são pequenas. Entretanto, caso sua pontuação esteja entre 300 e 0 você tem uma pontuação baixa e é muito improvável que consiga ter sucesso em sua solicitação de crédito. 

Dito isso, você precisa ter um score de 700 ou maior para ter boas chances de sucesso em sua solicitação. Neste caso, um financiamento de veículos, por exemplo, poderá acontecer sem maiores problemas. Todavia, com um score abaixo de 500 você dificilmente encontrará boas ofertas de crédito que poderão te ajudar em sua vida financeira. 

Risco de inadimplência

A consulta a tabela de score para financiamento por parte das instituições financeiras e empresas de crédito acontece por causa do risco de inadimplência. Sendo assim, quanto maior for a pontuação de um consumidor, maiores serão as chances dele pagar o crédito e assim a instituição não sofrer nenhum tipo de prejuízo. Dessa maneira, a tabela de score oferece a porcentagem do risco de inadimplência para cada caso.

Portanto, ao liberar um financiamento para um consumidor que tem um score muito bom, entre 1000 e 701, o risco de inadimplência é de 5 a 15%. Para mais, o risco de  um consumidor com boa pontuação, entre 501 e 700, não pagar suas contas em dia nos próximos 6 meses é de 19 a 25%. Dessa forma, ainda representa uma chance baixa de inadimplência. 

Contudo, quando falamos do risco de inadimplência de um consumidor com score de 500 a 301, ou seja, regular, as chances de não pagamento são de 33% a 45%. Por fim, os consumidores com score baixo (de 300 a 0 pontos) geralmente não conseguem aprovação de crédito, pois o risco de inadimplência nesses casos fica entre 83% e 90%. Desse modo, cultivar um bom score é essencial para conseguir um financiamento. Para mais, pague menos no financiamento imobiliário seguindo algumas dicas simples. 

Cálculo da tabela de score para financiamento

O cálculo da tabela de score para financiamento acontece com base em alguns fatores. Dessa maneira, é importante que você conheça esses fatores e como o cálculo funciona. Essas são informações importantes para entender melhor como aumentar o seu score e a importância de certas ações que podem influenciar em sua pontuação. Portanto, é crucial que esteja atento a elas antes de buscar por crédito.

Dessa forma, os principais fatores que são levados para o cálculo da tabela de score são: idade, consultas ao crédito, tipos de crédito que utiliza, tempo de crédito no mercado, dívidas em aberto e histórico de pagamentos do consumidor. Dito isso, é muito importante conhecer mais a fundo cada um dos fatores.

Primeiramente, a idade tem relação direta com o tempo que a pessoa passou utilizando serviços de crédito e fazendo pagamentos. Desse modo, as pessoas mais velhas possuem mais dados para análise, pois o histórico de pagamento, por exemplo, é mais longo que o de uma pessoa jovem. Portanto, em casos de financiamento para consumidores mais velhos, as empresas conseguem ter uma perspectiva muito mais ampla de dados relevantes para o cálculo. 

Por sua vez, outro fator que poderá influenciar na tabela score são as consultas ao crédito. Sendo assim, as consultas ao score de um consumidor acontecem por parte de empresas e instituições financeiras. Essas consultas tem um papel importante na tabela de pontuação de crédito. Quando muitas consultas acontecem em um curto período de tempo, isso pode indicar que o consumidor ou empresa está desesperado atrás de crédito. Esse, por exemplo, é um fato que leva a diminuição do score.

Fatores do cálculo

Os fatores responsáveis pelo cálculo da tabela de score para financiamento fazem parte do seu dia a dia e, para ter um bom score, é preciso ficar atento quanto a eles. Dessa forma, além de idade e consultas ao crédito, é preciso destacar os tipos de crédito que um consumidor usa como um fator relevante para o cálculo. 

Sendo assim, para aumentar um score, utilizar diferentes tipos de crédito poderá se mostrar muito impactante. Portanto, se você faz financiamento de um veículo, usa o cartão de crédito com frequência e solicitou um empréstimo recentemente, a tabela de score irá considerar as diferentes formas de crédito. Entretanto, é preciso tomar cuidado para não acabar se endividando na busca por diferentes tipos de crédito para aumentar o score. Vale lembrar que as dívidas prejudicam sua pontuação e será necessário fazer uma renegociação para diminuir seu impacto negativo. 

Além disso, a pontuação também sofre influência do tempo do crédito, ou seja, a quanto tempo o consumidor utiliza determinado crédito. Portanto, fatores como esse fazem com que consumidores mais velhos se destaquem, pois usam os serviços do mercado de crédito a mais tempo. Porém, se você tem um cartão de crédito há um bom tempo ou um financiamento ou empréstimo longo, seu score irá se beneficiar disso. 

Por fim, o histórico de pagamentos é o fator mais importante para o cálculo da tabela de score para financiamento. O histórico de pagamentos informa a empresa ou instituição financeira se o consumidor paga suas contas em dia ou não. Dessa maneira, um consumidor que paga suas contas com atraso tem uma pontuação menor em razão deste fator. 

O cálculo

A pontuação de crédito é um dado muito relevante para os dias de hoje. Dessa maneira, as instituições financeiras fazem análises minuciosas antes de aprovar financiamentos e empréstimos. Sendo assim, a tabela de score para financiamento é uma ferramenta essencial para o trabalho dessas instituições. Empresas privadas como a Serasa Experian estão entre as principais responsáveis pela coleta e análise dos dados de crédito dos consumidores. 

Dessa forma, as empresas como a Serasa chegam ao score com  base em algoritmos e modelos estatísticos. Portanto, os dados de um consumidor passam por essa etapa, onde acontece o cálculo e o resultado é a pontuação de crédito do indivíduo. Dessa maneira, empresas diferentes não usam a mesma fórmula, mas os fatores são sempre os mesmos. 

Além disso, as empresas fazem análises constantes e por isso a pontuação sempre é atualizada. Desse modo, a sua pontuação irá sofrer mudanças sempre que novos dados surgirem e passarem pela análise das empresas responsáveis pelo score. A atualização acontece frequentemente, ou seja, não demora muito entre o surgimento de novos dados e o impacto dos mesmos no score. 

Dito isso, a pontuação de crédito passa por um cálculo complexo que envolve muita estatística e algoritmos. Dessa forma, as empresas responsáveis pela coleta de dados e análise atualizam seu score com frequência, conforme novas informações surgem. Não deixe de sempre conferir seu score de tempos em tempos, principalmente após o uso de alguma operação de crédito maior. 

Alternativas – Tabela de score para financiamento

É muito comum que consumidores com score baixo busquem melhorar sua pontuação adotando novas práticas financeiras e de crédito. Desse modo, é importante destacar que por mais que a tabela de score para financiamento seja muito importante para a solicitação de crédito, ela não é o único indicador que as empresas de crédito e instituições financeiras levam em consideração. Fatores como histórico de emprego, renda e estabilidade financeira também possuem influência em situações como essa. Confira tudo sobre empréstimos para pessoas com score baixo

Portanto, algumas instituições financeiras não têm o score como o principal fator para a liberação de seu crédito. Sendo assim, é importante conhecer alternativas de instituições financeiras e empresas de crédito que oferecem serviços de crédito que não dependem do score para a aprovação. Além disso, manter um bom relacionamento com uma instituição poderá ser crucial para a aprovação de crédito. 

Dessa maneira, não deixe de procurar por alternativas confiáveis e vantajosas para você. A Crefisa, por exemplo, possui diversas opções de crédito para clientes que estão negativados. Para mais, o banco Santander é uma instituição de renome que conta com diversas alternativas para seus clientes, principalmente do Santander Select (www.santander.com.br/banco/conta-corrente/select). 

Conclusão sobre tabela de score para financiamento

Por fim, a tabela de score para financiamento tem um papel muito relevante no mundo contemporâneo. As empresas de crédito e instituições financeiras fazem uso de suas análises para decidir se devem ou não aprovar empréstimos e financiamentos de seus consumidores, por exemplo. Portanto, conhecer os fatos que entram no cálculo do score é essencial. 

Sendo assim, os fatores que as empresas de análise sempre consideram para o cálculo da pontuação de crédito são: histórico de pagamento, dívidas em aberto, tempo de crédito, tipos de crédito que o consumidor utiliza, consultas ao crédito e idade. Dessa maneira, será feito um cálculo com base em algoritmos e estatísticas para definir o score do indivíduo. 

Um score muito bom está entre 1000 e 701, pois o risco de inadimplência é muito baixo. As instituições financeiras e empresas valorizam muito essa informação, pois o score diz respeito às chances do consumidor pagar suas contas nos próximos 6 meses. Todavia, um score entre 300 e 0 tem alto risco de inadimplência, o que leva a baixas chances de aprovação de crédito. 

Dessa maneira, não deixe de considerar os fatores para o cálculo do seu score, assim você poderá se adaptar para que sua pontuação de crédito aumente. Contudo, vale ressaltar que a tabela de score não é a única informação que as instituições financeiras levam em conta, mas, é de extrema importância contar com uma boa pontuação para conseguir financiamento e outros serviços de crédito sem problema. 

Rolar para cima
Pesquisar

Navegue

Siga-nos

Ao continuar navegando, você concorda com nossos Termos de Uso e Polí­tica de Privacidade.