sábado, junho 22, 2024

Curso de Terapia Ocupacional: Como funciona?

Curso Terapia ocupacional

Você sabe o que é o terapeuta ocupacional e para que serve o curso de Terapia Ocupacional (T.O)? Está é uma das profissões que foi, nos últimos anos, bastante difundida atualmente, vamos entender o que um profissional desses faz.

Contudo, muitos ainda confundem o terapeuta ocupacional com a fisioterapia, eis o engano. Uma é essencial para outra. As terapias ocupacionais em junção com a fisioterapia transformam vidas.

Quer entender mais como é ser um profissional dessa área? Então, continue a leitura!

O que é terapia ocupacional?

Em resumo, a Terapia Ocupacional é um profissional que oferece atividades com fundamentos terapêuticos. Contudo, o T.O ajuda as pessoas habilitando e reabilitando as pessoas com limitações físicas. A Terapia Ocupacional serve exclusivamente para dar condições de saúde para as pessoas estão prejudicadas e não conseguem realizar tarefas do dia a dia.

Para exemplificar o trabalho da Terapia Ocupacional, as limitações de movimento de uma pessoa que sofreu um acidente podem ser reabilitadas através do trabalho desse profissional. O paciente pode estar com problemas que afetem no trabalho em outras áreas da vida.

É melhor então essa profissão é importante entender que o termo ocupacional não se limita a preencher o tempo ocioso do paciente ou de qualquer pessoa que precisa de tratamento, uma vez que o terapeuta ocupacional é um profissional que reabilitar pessoas então muito mais que isso.

 O que faz um profissional que cursa terapia ocupacional?

Curso de terapia ocupacional
Curso de terapia ocupacional — Foto: Reprodução/Júlia Rodrigues

O profissional de Terapia Ocupacional procura usar de diversas práticas envolvendo seu trabalho. Um exemplo disso é a estimulação dos recém-nascidos por meio de metodologias de desenvolvimento próprio para bebês. Sendo assim, o auxílio de um terapeuta ocupacional vai desde a menor idade até os mais velhos.

Mas, além disso, o profissional aplica suas técnicas em:

  • Auxiliar adultos para que eles possam se reintegrar no mercado de trabalho.
  • Acompanhar a crianças com problemas psicomotores ou de aprendizagem, com a devida ajuda para promover a inclusão delas em escolas de ensino regular.
  • Dar auxílio na reabilitação e na reintegração social dos idosos.
  • Auxiliar no tratamento das pessoas com distúrbios psíquicos, para que assim estas possam se incluir no meio social e ocupacional.
  • Promovem a reestruturação de vítimas de acidentes ou de doenças do trabalho, com a devida assistência aos portadores de deficiência física.
  • Auxilia e promovem a saúde do trabalhador com as ações de prevenção das doenças ocupacionais.
  • Fazem a reintegração de viciados em drogas, menores infratores e carentes à sociedade.
  • Podem também participar ativamente no âmbito docente, ministrando aulas e orientando projetos de pesquisa.

Entenda para que serve o terapeuta ocupacional

Pois bem a Terapia Ocupacional existe que serve especialmente para que uma condição de saúde seja prejudicada possa ser restabelecido. Em outras palavras, a condição de saúde, que está prejudicada, através da Terapia Ocupacional pode iniciar o processo para realização de tarefas diárias costumava fazer.

Sendo assim é uma prática na área da saúde serve como tratamento, prevenção e Reabilitação de indivíduos que sofreram algum acidente ou mesmo quando se teve um AVC, por exemplo.

O trabalho de o terapeuta ocupacional avaliar o paciente e assim identificar qual é as suas necessidades. Essa avaliação depende de cada endivido e cada perfil. Logo após a avaliação será definida quais são as atividades que podem estimular o desenvolvimento do paciente com objetivo de que ele possa fazer suas tarefas diárias normalmente.

Esta é uma reintegração social que pode ser feito para beneficiar crianças, jovens e idosos. Sejam esses pacientes com problemas físicos ou psíquicos. Tudo engloba a terapia ocupacional. Sobretudo um trabalho que contribui na reabilitação até mesmo de dependentes químicos e casos de inclusão social.

As atividades entre terapeuta ocupacional oferecem tratamento processo terapêutico estão ligadas a jogos, atividades lúdicas e atividades físicas para que assim o paciente possa se restabelecer e ter mais ânimo. Além disso, tarefas cotidianas e dinâmicas artísticas são usadas no tratamento.

Agora vamos falar um pouquinho mais sobre como é ser um profissional estudante de terapia ocupacional.

Qual a diferença entre o curso de Terapia Ocupacional e fisioterapia

Como foi dito, ambos profissionais são da área da saúde. Tanto um quanto o outro são profissionais que podem trabalhar juntos, com abordagens diferentes. Sobretudo, a Terapia Ocupacional se utilize de atividades humanas para realizar uma intervenção para que as ocupações cotidianas dessa pessoa sejam reabilitadas.

Contudo, na Terapia Ocupacional o paciente realiza o tratamento e assim consegue realizar as tarefas do cotidiano, seja no trabalho, na sociedade e com sua profissão A Terapia Ocupacional é a função que visa favorecer a pessoa física ou/eu mental.

Em geral, este paciente já fez seu tratamento com um fisioterapeuta — este, no que lhe concerne, reabilita os movimentos dessa pessoa. Contudo, já a Terapia Ocupacional faz com essa pessoa possa realizar suas atividades com mecanismos de intervenções em suas ocupações no dia a dia e no trabalhar. Sobretudo, na recuperação das limitações que no momentos estas pessoas estão impossibilitadas.

Em resumo, os profissionais da área de fisioterapia, por exemplo, usam de tecnológicos sofisticados para ajudar a recuperação desse paciente. Em outro momento, ao recuperar o movimento com a fisioterapia, o mesmo paciente pode utilizar a Terapia Ocupacional para que com esse movimento, talvez limitado, ele consiga fazer suas atividades como anteriormente. Um exemplo disso é voltar a escrever. Com a fisioterapia os movimentos das mãos voltam e o terapeuta ocupacional ajuda a segurar a caneta e escrever novamente.

Como funciona o curso de terapia ocupacional

Muitas pessoas não conhecem a prática de terapia ocupacional, porém é necessário nível superior para que esse profissional exerça a sua profissão. O curso tem duração de quatro anos e uma grade curricular expansiva.

Leia também: Atribuições da terapia ocupacional

Dessa forma, o curso oferece matérias na área da saúde e ciências humanas. Acompanhem a seguir quais são as principais matérias que irá estudar caso, tenha interesse de fazer terapia ocupacional:

  • Antropologia Cultural;
  • Bioquímica;
  • Histologia;
  • Cinesiologia;
  • Sociologia;
  • Fisiologia Humana;
  • Antropologia Teológica;
  • Traumatologia;
  • Psicopatologia;
  • Pediatria Básica;
  • Ergonomia;
  • Anatomia;
  • Neuroanatomia;
  • Ortopedia, Traumatologia e Reumatologia;
  • Atividades e Recursos Terapêuticos;
  • Ciências Sociais;
  • Cinesioterapia;
  • Desenvolvimento Humano e Atividade;
  • Processo de Envelhecimento;
  • Ergonomia e Saúde Ocupacional;
  • Estatística;
  • Fundamentos da Terapia Ocupacional;
  • Indicação e Confecção de Órteses e Próteses;
  • Métodos e Técnicas da Avaliação;
  • Modelos de Intervenção;
  • Patologia;
  • Psicologia do Desenvolvimento;
  • Terapia Ocupacional Aplicada;
  • Bioética;
  • Ética e Meio Ambiente;
  • Relações Ciência, Tecnologia e Sociedade (CTS);
  • Áreas de atuação;
  • Atendimentos Domiciliares;
  • Serviços públicos e privados de saúde;
  • Hospitais gerais;
  • Hospitais especializados;
  • Clínicas particulares;
  • Postos de saúde;
  • Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF);
  • Centos de Atenção Psicossocial (CAPS);
  • Escolas e creches;
  • Asilos;
  • Presídios;
  • Centros de conivência e de reabilitação;
  • Empresas;
  • Organizações não governamentais (ONGs);
  • Centros de Pesquisa.

Salário do terapeuta ocupacional

Para aqueles que concluíram sua faculdade de Terapia Ocupacional (T.O) terá um salário inicial de R$ 2.448,00. Mas, conforme suas experiências de salário e pode atingir até R$ 3.948,00.

Onde fazer o curso de Terapia Ocupacional?

Existem diversas universidades no Brasil para se estudar e ser um grande profissional de Terapia Ocupacional, Unisagrado, por exemplo, tem um curso bastante interessante. Sobretudo, universidades como Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR), Universidade Federal do Paraná (UFPR), Universidade do Estado do Pará (UEPA) e a Universidade Estadual Paulista Júlio Mesquita Filho (UNESP) podem oferecer também um ótimo desenvolvimento para quem gostaria de ser um grande profissional T.O.

Então, efetue sua pesquisa!

Rolar para cima
Pesquisar

Navegue

Siga-nos

Ao continuar navegando, você concorda com nossos Termos de Uso e Polí­tica de Privacidade.