sábado, junho 22, 2024

Trabalhar na Irlanda: salário e vagas para brasileiros

Trabalhar na Irlanda, bandeira irlandesa

Conseguir emprego em cidades como Dublin, na Irlanda é uma oportunidade ótima, confira o salário e quais são as principais vagas para brasileiros.

Geralmente, as pessoas que partem para Irlanda seguem em busca de aperfeiçoamento no inglês através de intercâmbios. Por sua vez, ao chegarem na Irlanda percebem que há um mar de possibilidades, visto que a há uma crescente na economia do país.

Além disso, acabam por encontrar meios para trabalhar em diversas cidades, em comum Dublin é uma delas.

Eventualmente essa caminhada é direcionada aos subempregos, mas em pouco tempo já estão em um mercado de trabalho com salários acima do esperado.

Trabalhar na Irlanda em vagas de subemprego

De acordo com os imigrantes que vivem no país, trabalhar na Irlanda em um subemprego deve ser visto com outros olhos, pois esse tipo de vaga é uma escada para outras possibilidades maiores.

As vagas de trabalho para subemprego, geralmente, são aceitas durante o período de intercambio, visto que muitos estudantes exercem essa atividade até conseguir um trabalho melhor em sua área profissional.

Portanto, aos interessados no mercado de trabalho Irlandês é importante ter em mente a não depreciação de vagas de subemprego principalmente ao chegarem no país.

A princípio esta é a forma mais simples que brasileiros e imigrantes de outras nacionalidades encontram para trabalhar e se estabelecer na Irlanda.

Logo após isso, com a ajuda de recrutadores e sites especializados buscam as novas oportunidades disponíveis no mercado.

Vagas para subemprego

1. Kitchen Porter

O centro de Dublin pode ser o ponto para encontrar vagas de Kitchen Porter – lavador de louças em restaurantes. O salário base desse subemprego na Irlanda é de ‎€9,80 a hora, ou seja, R$ 41,00 em média. Mas, caso tenha sorte encontrará empresas que pagam até ‎€12,00 por hora.

2. Bar-back (assistente de bartender)

Essa função de Bar-back é bastante oferecida em restaurantes e pubs irlandeses. No entanto, este é um dos primeiros contatos de muitos imigrantes no mercado de trabalho irlandês.

Trabalhar na Irlanda como bar-back (assistente de bartender) é bastante comum e consiste, geralmente, em exercer as seguintes funções:

  • Manter as geladeiras cheias de cerveja;
  • Manter o bar sempre funcionando;
  • Atender aos clientes;
  • Limpar o ambiente.

O trabalho é um tanto pesado, pois em alguns locais a movimentação de clientes chega a durar altas horas da madrugada. Além disso, alguns pubs exigem que os funcionários carreguem as caixas de bebidas, mantenham o ambiente sempre limpo e recolham copos durante o experiente.

O salário para essa função é com base no mínimo que está em torno de €8,65 por hora.

3. Cleaner

As vagas de cleaner e housekeaper são as mais comuns na região de Temple Bar. Isso ocorre uma vez que existem inúmeros pubs movimentados na região.

Muitos estudantes trabalham na parte da manhã, pois estudam durante a tarde. Este horário de trabalho é comum, pois os estudantes não podem fazer mais do que 20 horas semanais de trabalho. O salário é de acordo com o mínimo em torno de €8,65 por hora.

4. Atendente de lanchonete

Para finalizar, outro subemprego bastante comum para imigrantes brasileiros em intercâmbios pela Irlanda, atendente de lanchonete.O trabalho, geralmente, é durante a noite e o salário de €8,65 por hora, o mínimo exigido por lei.

Como trabalhar na Irlanda legalmente?

Para trabalhar na Irlanda na legalidade é necessário possuir um visto irlandês. Então vamos aos detalhes?

Devemos informar algo bastante animador para os imigrantes brasileiros. O departamento de trabalho irlandês – Business Enterprise and Innovation, abre novas permissões de vistos para profissionais estrangeiros que querem trabalhar na Irlanda.

De acordo com informações mais recentes, o governo introduziu várias alterações para alguns profissionais, tornando assim possível o visto de trabalho para algumas delas.

Porquanto, fique bastante atento no site e confira, por exemplo o limite de salário para as autorizações. O profissional que pretende trabalhar na Irlanda legalmente deve observar a lista de ocupações em áreas e suas necessidades de profissionais estrangeiros.

➜ Faça sua inscrição

As vagas de emprego que entraram para a lista critical skill estão no portal Dbei. Áreas como construção civil, transportes e esportes estão no topo dessa lista. Confira abaixo os profissionais que entraram para a lista!

Novos profissionais da lista critical skills na Irlanda:

  • Engenheiro Civil;
  • Quantity surveyors (topógrafo – economistas da indústria da construção);
  • Gerentes de projetos de construção;
  • Engenheiros mecânicos e elétricos com capacidades em Building Information Model;
  • Diretores de alta performance em organizações esportivas de alto nível.

As profissões com mais oportunidades na Irlanda na lista

O governo incentiva profissionais de diversas áreas para facilitar a entrada destes em empresas irlandesas através do visto de trabalho, veja algumas delas:

  • Gestores em serviços de hotelaria e lazer;
  • Gerentes de serviços de saúde e assistência;
  • Profissionais de ciências naturais e sociais;
  • Técnicos e especialistas de engenharia;
  • Especialistas em TI;
  • Ciências Naturais e Sociais;
  • Serviços Sociais;
  • Enfermagem e Obstetrícia;
  • Terapia;
  • Ensino;
  • Administração;
  • Mídia e Design e Marketing.

Como solicitar visto para trabalhar na Irlanda?

Trabalhar na Irlanda é uma vontade de muitos, informe-se sobre a documentação.
Imagem: Ilustração.

Stamp 1: visto de trabalho

O visto Stamp 1 é solicitado a partir da comprovação da proposta de emprego na Irlanda. Contudo, o processo se torna real na apresentação dos papéis na imigração.

O brasileiro pode fazer isso já estando no país, sendo assim, é concedido o visto e a permissão de trabalho.

Primeiro passo para conquistar o visto de trabalho Stamp 1 é procurar por oportunidades de emprego e se candidatar as vagas.

Fique atento, pois ainda neste artigo mostraremos alguns sites onde poderá encontrar vagas para brasileiros em diversas cidades da Irlanda.

Além disso, o candidato deve estar com os documentos em mão, veja a seguir!

Documentos

  • Passaporte;
  • Seguro saúde válido na Irlanda;
  • Documentos originais e suas devidas cópias.
Atenção:

O Stamp 1 é um visto emitido para trabalhar na Irlanda indicado para profissionais em falta. Além do mais com salário de até 30 mil euros anualmente e duração de 2 anos.

Stamp 1 A: visto para trainee

Já concluiu sua graduação? Então, o visto que serve para você é Stamp 1 A. Sobretudo, está categoria de visto dá o direito ao candidato para exercer as qualificações que adquiriu durante sua vida acadêmica.

Para esclarecer melhor, este é um visto é concedido para vagas de estágio no mercado de trabalho irlandês.   

Stamp 2: visto para estudante

Stamp 2 é concedido para estudantes estrangeiros que querem estudar e trabalhar no país. O visto dá o direito ao estudante de frequentar uma instituição de ensino na Irlanda e trabalhar por até 20 horas semanais.

O candidato aceito nessa categoria deve estar em solo irlandês e matriculado em instituição de ensino.

Documentos

  • Seguro saúde válido no país;
  • Comprovante de mensalidade do curso;
  • Comprovar que ganha no mínimo de 3 mil euros;
  • Residência;
  • Passaporte;
  • Documentos originais e suas respectivas cópias.

Qual a diferença entre Stamp 1 A e Stamp 2?

A diferença entre esses dois vistos é simples, com o visto Stamp 1 o aluno tem que estar matriculado em uma instituição acadêmica, sobretudo estar estudando. Já a segundo segunda categoria, Stamp 2, o aluno pode ter concluído o curso.

Stamp 4: visto para moradia e trabalho full time

A categoria é almejada por inúmeros imigrantes, visto que o candidato terá a chance de morar e trabalhar full time na Irlanda, ou seja, por um tempo determinado.

Stamp 1G: Recém Graduados

Dá o direito ao  estudante um ano após sua  formação trabalhar 40 horas semanais, full time também!

Atenção:

Ao conquistar um trabalho na Irlanda, é essencial que o estrangeiro tenha pelo menos um nível médio de inglês, embora o avançado seja o mais requisitado.

Outras categorias de visto irlandês

Para quem quer morar no país mesmo sem ter encontrado trabalho segue abaixo os demais visto que podem ser solicitados.

  • Stamp 3: visto sem permissão de trabalho;
  • Stamp 5: Imigrantes residentes legalmente há pelo menos 8 anos na Irlanda;
  • Stamp 6: Dupla nacionalidade;

Requisitos para visto de turista 

Apesar de ser mais simples a entrada de turistas em países europeus, vale a pena ficar informado. Isso porque preferem ir vistar a Irlanda antes de encontrar uma vaga de trabalho, neste caso como turista.

É de suma importância entrar legalmente no país, para que não inflija às leis de imigração e se torne complicada sua estadia e consequentemente solicitar um visto de trabalho ou estudante no futuro.

Então, é necessário ter o passaporte em dia, comprar a passagem de volta, ter comprovante de acomodação e seguro viagem internacional. Como turista o brasileiro tem direito a permanecer 90 dias em solo Irlandês.

Encontre trabalho na Irlanda

A forma convencional de arrumar emprego na Irlanda, como em qualquer lugar do mundo é sair a procura das vagas entregando currículo.

Porém, existem maneiras mais práticas para o brasileiro que deseja trabalhar fora do Brasil. Para otimizar sua procura e diminuir o tempo gastos veja agora sites especializados.

Recruit Ireland

O site é atuante e um dos mais sérios promovendo vagas de trabalho em toda a Irlanda. Recruit Ireland divulga as ofertas de trabalho disponíveis em empresas tradicionais no país.

Aliás é a porta de entrada para diversos imigrantes, conectando empresas renomadas ao acesso as vagas.

IrishJobs.ie

O portal IrishJobs faz a ponte entre imigrantes e as agências de recrutamento, bem como a ponte para as empresas que disponibilizam as ofertas de trabalho. Um dos sites mais importantes de vagas na Irlanda.

Monster.ie

Vagas por toda a Irlanda e também por toda a Europa em geral. Monster tem um lista com inúmeras vagas disponíveis e através do site você por criar seu perfil e pesquisar as vagas por região.

Dicas para conseguir emprego na Irlanda

1. Inglês avançado

É o primordial falar inglês, então, a primeira dica é fazer um curso e se prepare antes da sua ida para a Irlanda. Para trabalhar na Irlanda, a grosso modo, falar inglês é quase uma exigência. Então, lembrem-se que os candidatos devem passar pela entrevista de emprego, ou seja, falar com a empresa em inglês.

Já começa por aí a tão importante dica de falar inglês. Os estudantes de intercambio que chegam na Irlanda com inglês básico terão concorrentes fortes na busca por trabalho, contudo, existem pessoas com inglês avançado na corrida por vagas. Sendo assim, mantenha o foco no inglês antes de procurar as vagas.

2. Currículo

O currículo deve ser bem elaborado com todas as informações claras e objetivas. Aliás este é um ponto fortíssimo na hora de concorrer a vaga de trabalho.

O currículo deve ser feito no estilo europeu, sem erros de gramática e informações mentirosas sobre seu aperfeiçoamento.

Um detalhe importante é fazer seu currículo idêntico as informações contidas no seu perfil do LinkedIn, pois caso a empresa veja alguma divergência entre o currículo e a página pode perder a vaga de trabalho.

3. LinkedIn

Faça seu networking através da plataforma LinkedIn. Uma vez que a rede é o melhor e o mais eficiente canal de vagas de emprego no mundo.

Primeiramente, o site é um dos principais locais de busca de empresas nacionais e internacionais em todo o mundo.

4. Traduza seu diploma

Pois bem, traduzir o diploma é necessário e você pode fazer isso na Irlanda mesmo. Embora pareça mais simples traduzir no Brasil, saiba que existem varias empresas que fazem esse trabalho na irlanda de maneira simples, e ainda fica mais barato.

Incetivo estrangeiro para os profissionais brasileiros

Há, no entanto, vários países, além da Irlanda recrutando profissionais brasileiros através do visto de trabalho.Isso ocorre como forma de alimentar ainda mais o incentivo estrangeiro qualificado em toda a Europa.

Países como Polônia, Malta, Republica Checa, Estónia e muitos outros também incentivam imigrantes qualificados ao trabalho.

Existem, portanto, inúmeras vagas de trabalho exclusivamente para os falantes de língua portuguesa, então não perca tempo. Mas, não se esqueça, é preciso falar inglês também!

➜ Bônus

O risco de não conseguir as vagas nas multinacionais existe, isso pode ocorrer pela deficiência de pessoas sem preparo. Em muitos casos os candidatos até já estão com visto pronto, mas falta algo que os faz perder as oportunidades.

Os subempregos que falamos acima pode ser um meio e também abrir as portas para sua carreira internacional, então veja isso com uma possibilidade também e tenha uma boa sorte!

Achou fácil encontrar trabalho na irlanda? então comenta o que achou e aproveite para tirar suas dúvida. Siga-nos nas redes sociais (Facebook e Instagram) para ficar por dentro de todas as novidades.

Leia também: 4 dicas importantes para abrir sua empresa nos EUA

Rolar para cima
Pesquisar

Navegue

Siga-nos

Ao continuar navegando, você concorda com nossos Termos de Uso e Polí­tica de Privacidade.